Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

domingo, 7 de setembro de 2014

Ternura


V. Kush



Há depois este silêncio
Tão quieto, tão denso...
É talvez a ternura
Tão doce, tão pura!
É talvez o carinho,
Pássaro em seu ninho...
Ou o quieto silêncio
Tão doce, puro e denso.


Ana

18 comentários:

Jorge disse...

Oá, Ana!
A ternura, o carinho, são sentimentos fraternos muito intensos, que o silêncio propicia.
Um abraço,
J

© Piedade Araújo Sol disse...

e já é tanto....

boa semana.

beijo

:)

Ives disse...

A natureza doa esta silenciosa luz! Lindas poesias. Se me der a honra a seguirei, abraços
http://ives-minhasideias.blogspot.com.br/

Vanuza Pantaleão disse...

O silêncio tem sua própria linguagem. Amei esse quadro!
Ana, grata pela tua visita e sucesso aí no teu trabalho.
Beijinhos...

Andradarte disse...

Silêncio,ternura e carinho,
são para desfrutar em silêncio...
Boa semana
Beijo

Fê blue bird disse...

São estes momentos que valem a pena!

beijinho amiga Ana

Pérola disse...

Preciso de silêncio como água em dia de calor.

Beijos

Olinda Melo disse...


Há silêncios que falam, porque eitos de cumplicidade e ternura.

Tão doce este poema, querida Ana.Gostei muito.

Bjs

Olinda

Existe Sempre Um Lugar disse...

Bom dia, ternura é sinonimo de carinho que tanto necessitamos de dar e receber.
AG
http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

Edumanes disse...

Em silêncio nunca deve ficar,
ternura essa amável palavra
para ser mais fácil de encontrar
nunca ela deve ser encarcerada.

Tão doce e tão pura,
que amarga nunca ela seja
é sempre tão bela enquanto dura
seja feliz amiga onde quer que esteja!

Desejo para você amiga Ana, uma boa tarde, um beijo.
Eduardo.

heretico disse...

importa habitar o silêncio em sinfónicas sintonias...

belíssimo.

beijo

São disse...

Nem sabes como eu aprecio poemas assim, breves, concisos e profundos!

Abraço amigo, Anita

Graça Pires disse...

Quando o silêncio perpetua os sonhos...
Um belíssimo poema, Ana.

Nilson Barcelli disse...

A ternura é silenciosa...
Magnífico poema, gostei imenso.
Bom resto de semana, querida amiga Ana.
Beijo.

Luma Rosa disse...

Oi, Ana!
Todo esse sentimento reunido, chamo de paz! :)
Beijus,

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Quatro vezes LINDO!

Publique o livro, Ana... do tal link...

beijo amigo

Olinda Melo disse...


corrigindo:

"feitos" de ternura e cumplicidade...

:)

Bom fim de semana, querida Ana.

Bj

Olinda

sofia disse...

Gostei muito destes :)

beijinho grande