Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

sábado, 29 de março de 2014

Assim

 Pedro Cabrera

Estudo...

Estudo-me devagar.
Já tantas vezes parei para me estudar.
Não importa, ainda não sei tudo...

Amor..

Deixa-me, serena, contemplar!
Dar, dizias - eu digo Amar:
Crianças, velhos ou uma flor.

Vida...

Esse poema mudo!


Ana


sexta-feira, 28 de março de 2014

Reflexão

Joseph Zbukvic


O meu país é um lugar onde os ideais envelheceram.


segunda-feira, 24 de março de 2014

Perfil

George Christakis

Viera sozinho e de longe,
Rasgando o horizonte...
Com seu perfil de monge,
Mas erguendo a fronte!
Viera sereno e em paz,
Com teias de luz no olhar,
Sabendo que era capaz
De esse caminho trilhar.

Ana

terça-feira, 18 de março de 2014

Palavra esquiva

Paul Cézanne

Há uma palavra esquiva
Solta nos ares impuros.
Há uma ternura viva...
Arma secreta dos duros.
E este clamor que sobe
Ao peito dos homens sós,
Em velhas casas de adobe,
Desmancham cadeias e nós.


Ana

quinta-feira, 13 de março de 2014

Poeta maldito



Tintoretto


Há uma ruína súbita
Sob um azul impoluto.
Há um sonho de brisa!

Silêncios dardejantes...
Dedos longos de infinito
Acariciando um fruto.

Há um poeta maldito,
Acre voz de rebeldia,
Cantando como dantes
A Justiça tão precisa!

Ana

domingo, 9 de março de 2014

«...a forma de existir de um silêncio», Roland Barthes

Bruno Netto

Desejo como tu desejas
Na sincronia profunda
Dos sonhos iguais.
E desejo...
O momento inviolável
Do próprio desejo!
Recuso cada ideia morta
De incontrolável passividade!
Tudo em mim
Respira
Palpita
Sonha
Quer...
Trémulas mãos incontroladas
Frementes das pulsões do teu ser!
Eu sei que tu és!
E desejo como tu desejas
O momento, silencioso,
Antecedendo a força do grito!
Tudo em mim
Aspira
Movimenta
Vai
É...
Uma onda na força da maré!
Um mar inviolado
Sonhando a nau das descobertas
Rumo ao sonho intenso
Do trópico escaldante!
Desejo quanto desejas
na rota constante
Da Festa!
Quero conhecer contigo
Quero ser contigo
O ser singular
O Todo igual
O limiar...
De Verdade e pasmo!
Quero Ser.

Ana

Aqui fica, Rita!



Professora,

Depois de vencermos na categoria de melhor personagem, precisamos novamente do seu voto!


 Fomos selecionados como um dos vídeos finalistas do concurso MARLISCO. Através dos links mencionados em baixo pode votar no nosso vídeo (1 gosto = 1 voto).

FACEBOOK - https://www.facebook.com/photo.php?v=362937683846497&set=vb.229569147183352&type=2&theater

YOUTUBE - https://www.youtube.com/watch?v=_KmOTgbp2kk
Votação através do youtube com a conta Gmail/Google.


O outro vídeo que está a participar no mesmo concurso foi selecionado também. Pode votar pelos links:
FACEBOOK- https://www.facebook.com/photo.php?v=362929287180670&set=vb.229569147183352&type=2&permPage=1

YOUTUBE- https://www.youtube.com/watch?v=N-v3OFq6xgI&list=PLWbW815R4dX8KuGe8RJAsjfRnxC3DJPDL
Se puder divulgar o nosso trabalho, nós agradecemos!

Obrigada pela atenção,
Rita Martins




Muitos Parabéns!

quinta-feira, 6 de março de 2014

A vida mudou

Leonor Botteri



Tu, que ficaste sentada
olhando o além,
não vês que o tempo mudou,
desapareceu alguém?
Não fiques parada,
olhando contristada
um ponto sem vida,
a saudade, o tormento,
uma imagem perdida
no teu pensamento!
Não fiques chorando,
não estejas olhando
um mundo parado!
Não olhes, sorrindo e triste,
a dor, a amargura que existe
no eco surdo do teu brado.


Ana