Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Nobel da Literatura

4 comentários:

Andradarte disse...

Finalmente...o merecido prémio
há muito...
Beijo

Gerana Damulakis disse...

Muito merecido.

JPD disse...

Convenci-me -- Erro meu, má fortuna... -- que o americano Philip Roth seria a escolha da Academia.

Vargas Llosa.
É uma escolha excelente.

Li imenso VL e cheguei a fazer uma coisa tremenda: chegar à pg 70 de «A CONVERSA NA CATEDRAL» e voltar ao princípio por estar completamente perdido.
Valeu a pena.

Boas leituras, Ana

Fernando Campanella disse...

Gostei muito desta palestra sobre a ficção e seu poder de alçar o homem a conquistas de um mundo melhor e mais justo.
Grande abraço, minha amiga.