Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Memórias do Mediterrâneo, Fernand BRAUDEL

geocaching.com, Anfiteatro, Ponte de Sor

Ali, na curva do rio, durante as longas noites estivais, quando as temperaturas do sol a pique começam a descer um pouco e as casas - quentes demais - são lugares desabitados, a população junta-se e escuta os sons do Mediterrâneo. São momentos mágicos...da Pérsia ao sul de Itália, de Génova ao som sefardita de velhos e expulsos judeus castelhanos...
Velho e querido Mediterrâneo! Lugar de desencontros, mas também de união da enorme e paradoxal pureza multicultural...
Aqui, lugar dos homens!
MishMash

«29 de Junho – Mish Mash (Mediterrâneo)
21h30: Anfiteatro, zona ribeirinha, entrada livre.
O regresso dos ritmos quentes do Festival Sete Sóis Sete Luas à cidade de Ponte de Sôr é marcado com a presença do grupo musical Mish Mash, através de uma original interpretação dos sons que habitam o Mediterrâneo, o mundo médio-oriental e os países de Leste. Pilares desta inspiração são o reportório klezmer, as canções sefarditas, a antiga música persa. O nome não vem por acaso, pois Mish Mash, em várias línguas mediterrânicas, significa “mistura”». Sete Sóis

2 comentários:

Bipede Implume disse...

Não tinha conhecimento deste festival.
Adoraria ter aí estado. Sou profundamente admiradora dos sons do mundo. Então nessa paisagem deslumbrante deve ter sido mágico, como dizes.
Boa semana Anna.
Beijinhos.

EternaApaixonada disse...

*****

Como gostaria de me "misturar" nesse recanto que me faz sonhar...
Boa noite, lindos sonhos, amiga!
Tenha um ótimo sábado!
Beijos

"Se, pelo menos, pudéssemos viver duas vezes: a primeira vez, para cometer todos os inevitáveis erros; a segunda, para lucrar com eles".
David Lawrence

*****