Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

sábado, 27 de setembro de 2008

O olhar do mestre

Rembrandt, 1629, Cabeça de Jovem /auto-retrato


Faz vento
E eu sei...
O teu segredo!
A profusão de ideias,
O vegetar profundo
Dos teus lamentos
Adolescente...
Faz vento
E tu não sabes
A voz do sonho
E os dedos largos
Na confusão da brisa...
A tua viagem
Inconcebida, vaga...
Tu eras...
Infinitas ânsias
A germinar!
Tu ias...
No teu sonho
Marginal.
+++

Quando me olhas
Tens uma sede
Que não satisfaço.
Quando me sonhas
E me receias...
Vagueias suavemente
À procura de um fantasma.
Quando me agrides
Com as tuas palavras
No recreio das ideias,
Tu inventas o desejo!
E se te vejo e sorrio
Tu ficas à beira do abismo.
Sou a tua vertigem
Se me aproximo
E não digo
Naquele tom monótono e vário:
«Escrevam o Sumário...».
+++
* Aos meus novos alunos!

Ana




8 comentários:

Baú Literário disse...

Passando para uma cordial visita. Desejando-lhe uma Boa Noite e um excelente final de semana.
Abraços!
Beijos de Paz e Alegria!

E.T.: Adorei o poema.

EternaApaixonada disse...

Boa sorte nesta nova etapa!
Que os felizardos alunos descubram a sorte de não somente ter uma mestra, mas um ser sensível e genersoso, como você!
Beijos

o que me vier à real gana disse...

Bom... muito bom!
Um poeta, tenho para mim, é um filósofo esteta. Parabéns!

comboio turbulento disse...

Ainda é possível acreditar na educação enquanto houver mestres que escrevem assim dos seus/para os seus alunos.
Apesar de tanta mudança ...enquanto houver estrada para andar a gente vai continuar. Obrigado.

Bipede Implume disse...

Tu amas a tua profissão.
Vê-se neste teu poema. Quanta ternura te inspiram esses jovens que tanto esperam de ti e de quem tu tanto esperas.
Sò posso prever um bom trabalho.
Beijinhos.

o que me vier à real gana disse...

Olá, tenho um novo post. Gostaria que comentasse, pode ser?... Vá lá!

La Delirante disse...

Beautiful :) It is so sweet that you dedicate the poem to your new students :)

They are really lucky to have such a sweet teacher :)

o que me vier à real gana disse...

Olá, obrigado pela visita e pelo comentário.
Espero k volte sempre e k comente. Espero, igualmente, fazer o mesmo aqui.