Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Brecha na muralha

Kustav Klimt, The Maiden, 1912-13
Pegaste-lhe na mão com a ternura serena que, naquele momento, te incendiou o peito.
Amanhã interrogar-te-às porque beijaste aqueles dedos frios de uma manhã de Novembro.
Eram quentes os teus lábios.
Do contraste das ideias e das coisas desprende-se, sempre, o reflexo que se projecta para a dimensão côncava do espírito.
A sensação do real, da tua própria existência...tiveste necessidade de afirmá-la, no momento em que te esvaziavas de ti!
O gesto...
Amanhã será Dezembro e o gelo penetrará na sombra da noite.
Os teus olhos vão embaciar-se no nevoeiro da madrugada.
Anónimo...
Ana

5 comentários:

Bipede Implume disse...

Gosto muito de Klimt. Este especialmente faz-me olhar para o lado alegre da vida. E, gosto, sobretudo, da sensibilidade com que os escolhes.
O texto começa em Novembro e vai até Dezembro e de repente senti frio.
Beijinhos.

EternaApaixonada disse...

Amanhã será Dezembro...Fez- me recordar de algo que escrevi...
Esperanças que se esvaem com o passar do tempo...
Preciso urgentemente sonhar...
Beijos e uma ótima quinta.

Bipede Implume disse...

Passo, mais uma vez para te desejar um bom fim de semana.
Não, amiga, não sou arquitecta.
Há muito que gostava de fotografia, mas só agora tenho mais tempo para me dedicar a este prazer. E também tenho uma máquina fotográfica que me ajuda.
Obrigada por, com as tuas palavras, incentivares para que continue.
Beijinhos.

EternaApaixonada disse...

Querida amiga Ana,
Vim lhe deixar meu carinho, meu agradecimento pela presença constante, que tanto me faz feliz!
Tenha um ótimo domingo e uma semana de muita felicidade, junto aos teus!
Beijos


"Foi o tempo que dedicastes à tua rosa que fez tua rosa tão importante"
Antoine de Saint-Exupéry
O Pequeno Príncipe

http://i145.photobucket.com/albums/r219/Mineira51/Outubro2008/Pequeno_20principe.jpg

meus instantes e momentos disse...

muito bom voltar ao teu blog, é bom vir aqui.
Tenha um belo domingo
Maurizio