Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Não tombes!

Nicolas Poussin



Não caias
Não tombes
Vai
Voa
O vento atroa
Não saias
Não zombes
Vai
Voa
O tempo é sério
O grito etéreo
Não tombes
Vai
Voa
Não caias!

Ana



13 comentários:

Fê Blue bird disse...

Amiga já estou voando...e tombando.


beijinho e boa semana

Rogério Pereira disse...

Quando a asa
Rasa
Me falha
A imaginação
Faz
O resto
Pois voar é preciso...

(é um poema como eu gosto, até o podia "cantar" ao meu neto)

JP disse...

Gostamos de voar sem tombar, na realidade.

Mas acho que tombamos mais que voamos.

Beijinho

Isa Lisboa disse...

Enquanto tivermos asas não caíremos...

Olinda Melo disse...


Olá, Ana

Bom dia

Ganhar asas e desafiar o horizonte...
mantendo o equilíbrio. Um projecto aliciante. Gosto.

Revejo-me nas suas palavras, minha amiga, e, assim sendo, gostaria de levar algumas comigo para o Xaile de Seda que, nesta quinzena, se chama 'Xaile de Afectos'. :)

Posso?

Bj

Olinda

São disse...

Ecoo o teu apelo: que se voe, que se não caia!

Minha querida, que seja boa a tua semana

Maria Luisa Adães disse...

Ana

Lindos são os poemas
e as pinturas um encanto
num clima especial
criado a seu gosto.

E eu gostei deste encontro
suave, ternamente suave.

Desculpe minhas ausências,
mas não esqueço nunca!

Maria Luísa

Margarida disse...

Espero que continue a voar sempre, sem tombar!
Tenho estado numas pausadas férias, antes do recomeço do frenesim... E a professora, como vai? As literaturas de língua portuguesa sempre acabaram? Se sim, é uma pena...

Beijinhos grandes,
Sara

Nilson Barcelli disse...

Não cair é fundamental na nossa vida. Mas, quando isso acontece, precisamos de saber levantar e até voar de novo.
Poema magnífico, gostei imenso.
Um beijo, querida amiga Ana.

Bípede Implume disse...

Querida Aninha
Bem precisamos voar.
Nós vamos como as crianças num "tem-te não caias"...mas com vontade férrea.
Poema quase musical, é verdade!
Boa semana e continuação dessa inspiração que só é dada aos poetas.
Beijinhos
Isabel

Andradarte disse...

....hoje...é muito difícil caminhar sem tombar....não só tropeçar..
E não é da idade não...
Beijo

Luma Rosa disse...

Não caio!
Quero ser garça voando longe em tarde de verão :)
Não caia, menininha!!
Que seu grito seja de esperança.
Que seu tempo seja bom!
Beijus,

Bípede Implume disse...

Querida Aninha
Bom fim de semana. É Carnaval eu sei. Aliás estamos em permanente Carnaval há ano e meio.
Só desejo que seja um fim de semana calmo e feliz.
Beijinhos
Isabel