Rara Avis in Terris, JUVENAL, Sátiras, VI, 165

domingo, 28 de março de 2021

Ágil

 

Blanca Alvarez

A palavra ágil dobra-se
recobra o alento
esgueira-se
saltita na rua estreita
e dança.

A palavra tão doce
abraça e ilumina
frágil no vento
estreita-se
e fulmina!

Ana



19 comentários:

Rogério G.V. Pereira disse...

Blanca, minha cara Ana
decorou o pátio
da minha infância
onde crescia
ágil
essa trepadeira frágil
do vaso à telha

Teus poemas, Ana
quase sempre me remetem
à infância

Maria João Brito de Sousa disse...

Perguntar-se-ão, alguns, como é possível usarem-se tantas palavras para definir uma única palavrinha? Dir-lhe-ei eu que me identifiquei plenamente com a sua visão/versão desta palavra, Ana.

Abraço!

Graça Pires disse...

Tão cúmplices as palavras...
Uma boa semana com muita saúde, minha Amiga Ana.
Um beijo.

vieira calado disse...

OLá!

Um esbelto poema e uma bonita gravura!

Boa Páscoa!

Elvira Carvalho disse...

Gostei do poema e da imagem.
Abraço, saúde e boa semana

São disse...

Agradaram-me muito tanto a imagem como o poema.

Sabes que tens um poema teu no "SÃO"?

Beijinho com voto de uma Páscoa muito doce :)

silvioafonso disse...

Há muito não vejo imagem
tão bonita. Os versos são
os mesmos, quer dizer, a
cada vez mais bonitos.
Beijos e beijos, muitos.

chica disse...

Linda pintura aquarelada e poema que tão bem a acompanhou! beijos, linda semana,chica

AC disse...

Uma palavra ágil, num sul sereno, harmonioso, em que até as inquietações têm tratamento compreensivo, como que a querer construir, da melhor forma, o puzzle de tudo o que nos envolve.
Adoro este espaço, Ana!

Um beijinho :)

A.S. disse...

A palavra é sempre imprevisível!
Tantas vezes se esconde dentro do poema, para nos surpreender no esplendor duma estrela!

Um abraço!

Olinda Melo disse...

Querida Ana
Os teus poemas sempre intrigantes.
Colocam-nos perante o porquê das
coisas e das palavras.

Beijo
Olinda

J.P. Alexander disse...

Las palabras son muy importantes, Bello poema te mando un beso

Luiz Gomes disse...

Bom dia Ana, obrigado por trazer palavras maravilhosas ao nosso coração.

vieira calado disse...

Boa noite, estimada amiga!

Hoje venho expressamente, para lhe desejar BOA PÁSCOA, a si e aos seus!

Cumprimentos meus.

Tanza Erlambang disse...

the image so beautiful...yes, nice place to "jump and dance"
sweet words...

Have a wonderful day

Fá menor disse...

Como as palavras simples podem ser tão belas de soletrar!

Votos de uma feliz e santa Páscoa, amiga Ana!
Beijos.

Jaime Portela disse...

Ágil ou frágil... a palavra é assim mesmo, nunca é inteiramente certo para que lado cai...
Excelente poema, gostei imenso.
Bom fim de semana e uma Páscoa Feliz, dentro do possível, querida amiga Ana.
Beijo.

© Piedade Araújo Sol disse...

Um belo poema que aqui nos dã a partilhar
simples e cheio de grandeza.
Aproveito para desejar os meus votos de Felizes Páscoas.
Muito obrigada pela sua visita.
Beijinhos e bom fim de semana.
:)

Fê blue bird disse...

Querida Ana,
elegante, ágil e doce é sempre a tua palavra.

Um beijinho e uma feliz Páscoa.